Slider

Jornalista caxiense lança revista no Maranhão

 

 

 

 

 

Jornalista caxiense Alberto Pessoa

Outdoor de lançamento da Revista Nova Imagem

 

O jornalista caxiense Alberto Pessoa que há vários anos é militante da imprensa comunitario da região, Bacharel em Comunicação lançou oficialmente, nesta semana, em Caxias a revista NOVA IMAGEM com sede em Brasília e reprentacão em cidades do Brasil e agora, presente no MA.

A revista deve circular bimestralmente nas bancas e na Internet através do site da revista.
O projeto é do jornalista do caxiense Alberto Pessoa que há vários anos é militante da imprensa comunitario da região, Bacharel em Comunicação Social. Tem a missão de contribuir com a sociedade com trabalhos jornalísticos abrangentes.
A revista tem publicações em sessões de música, literatura, turismo, política, Direito e outros. A publicação conta com colaboradores como Gilvaldo Quinzeiro, Wybson Carvalho, Daniel Lemos, entre outros.
Grupo de Comunicação, contará ainda com site e interagindo nas redes sociais, coberturas jornalísticas, radiofônicas, fotográficas, televisivas  na capital e no interior do estado e fora do estado e um jornal tamanho standart,

Para Alberto a linha editorial do veículo será toda voltada à cobertura de eventos de natureza jornalística. Procurando, sempre, dar destaque à política, turismo, social,  esportes, que estiver em maior evidência no momento.

Dar voz, espaço e atenção às pessoas envolvidas direta e indiretamente com o desenvolvimento e progresso do País.

Ser um grupo de referência na promoção e divulgação desses eventos e, assim, poder levar o mesmo trabalho de sucesso a todas as regiões.

Os serviços oferecidos e realizados pela empresa serão pautados sempre pelo comprometimento em empenhar toda a dedicação e profissionalismo necessários; na ética de tratar seus profissionais e clientes, de acordo com os princípios de conduta; e no dinamismo, buscando sempre oferecer o que há de mais moderno em ferramentas que possam facilitar a comunicação de seus clientes com seus públicos de interesse. Tudo isso aliado à fé, à transparência, à efetividade e à competência.

“Entendemos que é preciso formar leitores e, sendo assim, consideramos que a tiragem de 3 mil exemplares por bimestre (revista), contempla, a princípio, a formação dos nossos públicos. Estaremos trabalhando constantemente para que esse número seja sempre crescente” diz Pessoa.

Da Redação

Deixe uma resposta